Você sabe vender com Inteligência de Negócios?

Utilização de informações qualificadas facilitam a aquisição de novos clientes e reduz custos com prospecção.

Grande parte das ações de uma empresa acontece antes de qualquer transação. É quando são traçadas estratégias e elaborados planos que servirão para a aquisição de novos clientes. Vender ou prestar serviços demanda saber quem é seu público e onde ele está, e isso é uma tarefa complexa, mas necessária ao empreendedor moderno.

Aproximar as empresas do público-alvo é o que o Empresômetro, empresa de Curitiba que trabalha com inteligência de mercado, faz: fornece dados e trabalha com o cruzamento de informações, oferecendo soluções das mais variadas para o mercado, aumentando a capacidade de um negócio em buscar esses novos clientes.

Ferramentas especializadas, como o Empresômetro Listas, podem proporcionar redução de até 70% do custo relacionado à aquisição desses novos compradores, facilitando a criação de estratégias, inclusive quanto ao investimento nos setores de marketing e comercial.

O empresário precisa saber vender e, para isso, é necessário conhecer o mercado, entender o que viu lá, e encontrar os seus clientes”, explica o diretor-executivo do Empresômetro, Otávio Amaral.

A busca por potenciais clientes, chamados de prospects é cada vez mais vinculada a contatos e informações que, embora estejam espalhadas pela web e outros meios de comunicação, torna impossível a missão de agregá-los em um único banco de dados confiável e assertivo.

Vender com inteligência de negócios é utilizar os instrumentos corretos, orquestrados pelas pessoas adequadas e realizar essa avaliação de maneira mais precisa possível, evitando desperdícios de capital humano e recursos que poderiam ser investidos em outras áreas.

O que precisa ser informado é que quanto maior a assertividade, isto é, quanto melhor e mais refinada for a informação, quanto maior o retorno desses contatos, menor é o investimento nessa área. Essa é a importância de uma lista qualificada de empresas”, ressalta Amaral.

Esses elementos deveriam compor todos os planos e estratégias das empresas, pois hoje, num mundo cada vez mais globalizado e conectado, com mais empreendedores, aquele que estiver preparado e antever o movimento do mercado, terá maior destaque e retorno em seu empreendimento.

O Empresômetro, através de metodologia única, oferece 40% de assertividade em seus dados, o que é mais que o dobro do que as empresas tradicionais oferecem.

“Nosso sistema é atualizado todos os dias com informações das mais variadas fontes públicas, e através dos algoritmos, criados por nós, podemos fazer o cruzamento dessas informações e oferecemos dados mais sólidos e que favorecem à obtenção de mais clientes por parte dos empresários, tanto B2C (direto ao consumidor final), quanto B2B (empresa à empresa)”, destaca Amaral.